Política britânica no Rio da Prata, Editora Insular

R$50,00

Política britânica no Rio da Prata
[14x21cm]

Política britânica no Rio da Prata

Coleção Pátria Grande Volume 5

Biblioteca do pensamento crítico latino-americano

Autor: Raul Scalabrini Ortiz
Tradução: Renato Tapado

ISBN: 978-85-7474-790-3
Páginas: 368
Peso: 395g
Ano: 2014
Capa: Tadeu Meyer

O livro Política britânica no Rio da Prata é um clássico argentino que agora aparece por vez primeira em português. É também o principal livro de Raul Scalabrini Ortiz – o primeiro dele publicado em nosso país – um engenheiro de formação que decidiu dedicar-se aos assuntos de sua pátria num momento crucial da vida argentina: o amplo domínio que os britânicos exerceram sobre a vida econômica, política e cultural da nação vizinha. Em perspectiva podemos afirmar que nada poderia ter sido feito na Argentina sem a aguda perspectiva analítica inaugurada por este luminoso livro. A esquerda nacional argentina deve à ele quase tudo. Nada passou sem sua aguda percepção: a miséria do liberalismo em nossas terras, a incapacidade da classe dominante argentina em encabeçar uma grande transformação nacional, a cumplicidade da imprensa de seu país com os interesses do imperialismo, os movimentos da diplomacia britânica no terreno econômico, cultural, político e seu profundo impacto na opinião pública de nossos países, entre outros temas relevantes. A consciência anti-imperialista ganhou força a partir de seus estudos e desde então muitos outros adotaram o saudável e potente hábito intelectual de dedicar-se aos nossos problemas como caminho seguro – e único – de produção intelectual e relação com o vasto mundo em que vivemos.

Política britânica no Rio da Prata é um destes livros proibidos pelo academicismo universitário, ambiente sempre aberto às modas necessariamente passageiras oriundas dos Estados Unidos e da Europa e completamente hermético aos estudos críticos escritos por latino-americanos, desde as entranhas de nossa Pátria Grande. Fazer-se escritor crítico e um homem de ação, no ambiente colonial então dominante, não é tarefa para qualquer pessoa. Jorge Luis Borges, num texto tão genial quanto convenientemente esquecido (pelo próprio autor inclusive), afirmou na década em que Raul enfrentou o neo-colonialismo britânico e seus muitos representantes acadêmicos, que a realidade argentina era vital, enquanto a realidade pensada era mendiga. Com Política britânica no Rio da Prata podemos afirmar que também a realidade pensada argentina deixou de ser mendiga. Para nossa sorte comum.

Raúl Scalabrini Ortiz (1898-1959) foi engenheiro de formação e destacado intelectual; é também um dos responsáveis pela força do pensamento crítico argentino posterior a 1930. Autor original e seminal em seu país, ele produziu o clássico Política Britânica no Rio da Prata e outros estudos decisivos para a consolidação da esquerda nacional no país vizinho, entre os quais Bases para a reconstrução nacional, O homem que esta só e espera e Yrigoyen y Perón. É um autor que voltou a circular com enorme força com o recente avanço das lutas populares e a consciência política na América Latina. Homem de formação erudita e europeia, cresce e rompe com o cenário de submissão econômica e vassalagem intelectual que caracterizou durante muito tempo nossos países, especialmente a Argentina. Justamente em meio à década infame, Scalabrini Ortiz aparece como intelectual de luz própria, produzindo uma obra e exibindo um comportamento intelectual que seguem sendo necessários para a segunda e definitiva emancipação de nosso continente.

A coleção Pátria Grande - Biblioteca do Pensamento Crítico Latino-Americano é uma iniciativa do Instituto de Estudos Latino-Americanos (IELA) da Universidade Federal de Santa Catarina e tem como objetivo divulgar autores e obras clássicas das ciências sociais na América Latina que deram vida ao que entrou para a história como “pensamento crítico latino-americano”. As obras escolhidas para compor esta Biblioteca são inéditas ou foram divulgadas apenas marginalmente no Brasil.

Comentários

Categorias
Administração (29)
Administração Universitária (9)
Agronomia (6)
América Latina (46)
Anarquismo (8)
Antropologia (13)
Automotivação (23)
Avaliação Universitária (16)
Biblioteconomia / Ciência da Informação (5)
Biografia (66)
Biologia (5)
Ciências Sociais-> (69)
Cinema (2)
Coleção Debate Social (2)
Coleção Jornalismo Audiovisual (4)
Coleção Jornalismo e Acontecimento (4)
Coleção Jung sai pra rua (2)
Coleção Linguística (5)
Coleção Pátria Grande (6)
Coleção Pedrinho (3)
Coleção Pensadores da Pátria Grande (4)
Coleção Segurança Pública (2)
Comunicação / Jornalismo (150)
Contestado (11)
Contos (26)
Crônica (26)
Cultura (6)
Desenvolvimento Regional (3)
Direito-> (57)
Ecologia / Meio Ambiente (33)
Economia (27)
Educação (92)
Enfermagem (3)
Engenharia / Arquitetura (13)
Espiritualismo (13)
Esporte (10)
Estudos Culturais (8)
Estudos em Jornalismo e Mídia (9)
Ficção Cientifíca (5)
Filosofia (9)
Florianópolis / Santa Catarina (61)
Futebol (8)
Geografia (23)
Gerenciamento (3)
História (141)
Humor (3)
Infantojuvenil (10)
Jornalismo (1)
Linguística (30)
Literatura (101)
Matemática (3)
Neurolinguística (1)
Nutrição (6)
Permacultura (1)
Poesia (58)
Política (47)
Psicologia (11)
Radiotividade (2)
Relações Internacionais (12)
Religiosidades (15)
Romance (35)
Saúde (23)
Segunda Guerra Mundial (6)
Segurança Pública (10)
Série Comunicação Audiovisual (2)
Série Construindo a Tradução (1)
Série Estudos Culturais (5)
Série Estudos de Língua de Sinais (3)
Série Jornalismo a Rigor (12)
Série Jornalismo e Sociedade (3)
Série Tecnologia Social (3)
Serviço Social (4)
Sociologia-> (37)
Teoria da Decisão (1)
Transporte (3)
VESTIBULAR-> (7)
Pesquisa rápida
 
Utilize palavras chave para pesquisar livros.
Pesquisa avançada
Compartilhar o livro